Videoaulas de Gramáica

Loading...

sábado, 17 de julho de 2010

O significado das palavras e os prefixos

Significado das palavras:

O significado de algumas palavras pode ser identificado através da estrutura de seus elementos mórficos.

Na seqüência veremos os prefixos, os sufixos e os radicais, a partir de sua origem grega ou latina e a relação com a língua portuguesa.

Principais prefixos latinos:

a-, ab-, abs- (indica afastamento; separação = aberrar, abdicar, abster, abstrair, amovível, aversão);
a-, ad-, ar-, as- (movimento para; aproximação; direção = adjunto, adnominal, adjetivo, adventício, advogado, abordar, apurar, arribar, arraigar, associar, assimilar);
ante- (anterioridade; precedência = antepor, anteceder, antebraço, antecâmara);
circu-, circum- (movimento em torno, posição em redor = circumpolar, circum-ambiente, circunavegação, circunferência);
cis- (posição aquém = cisplatino, cisandino);
co-, com-, con-, cor- ([da preposição latina cum] concomitância, companhia, ação conjunta = competir, companheiro, concorrer, congregar, cooperar, coerente, corroborar, corrosivo);
contra- (oposição, ação conjunta = contradizer, contraveneno, contrapeso);
de- (movimento de cima para baixo = declive, débil, decrescente, decapitar);
des- (separação, ação contrária, negação = desviar, desleal, desfazer, desprotegido);
di-, dir-, dis- (dualidade, divisão, separação, movimento em muitos sentidos = disforme, discutir, disseminar, dirimir, dilacerar, difundir);
entre- (posição intermediária = entreato, entrelinha, entretela, entremeio);
ex-, es-, e- (movimento para fora, afastamento, estado anterior = extrair, expectorar- exportar, escorrer, esquecer, emigrar, emergir);
extra- (posição exterior = extraordinário, extravasar, extramuros);
in-, im-, i-, ir-, em-, en- (movimento para dentro, tendência, mudança de estado = incrustar, ingerir, investigar, impressão, imigrar, irromper, enterrar, embarcar, enformar);
in-, im-, i-, ir- (sentido exclusivamente negativo, de privarão [é de etimologia diferente do in- anterior] = indecente, inerte, impróprio, imberbe, ilegal, imoral, ignorar, irrestrito, irregular);
intra- (posição interior = intravenoso, intrapulmonar, intramedular);
intro- (movimento para dentro = introduzir, intrometer, intróito, introspecção);
justa- (posição ao lado, perto de = justaposto, justafluvial, justalinear);
ob-, o-, os- (posição em frente, diante de, oposição = objeto, obstáculo, ofuscar, opor, ocupar, ostentar);
per- (movimento através = perpassar, permeável, perfurar, pernoitar);
pos- (ação posterior = posdatar, postergar, postônica, posposto);
pre- (anterioridade = predatar, prefixo, preliminar, prefácio, pré-tônica);
pro- (movimento para a frente, diante de = prosseguir, progredir, profano, proclamar);
re- (movimento para trás, repetição = regredir, reagir, reiterar, recomeçar);
retro- (movimento mais para trás = retroceder, retrospectiva, retrocesso, retroagir);
soto-, sota- (posição inferior = sotopor, soto-mestre, sota-capitão);
sub-, sus-, su-, sob-, so- (movimento de baixo para cima, estado inferior, redução = sublevar, subir, subalterno, suspender, suspeitar, sufocar, sobpor, sopé, sonegar, soerguer, soterrar);
super-, sobre-, supra- (posição em cima, posição acima, excesso, intensidade = superpor, supercílio, supérfluo, sobrecarga, sobreviver, supra-renal, supramencionado);
trans-, trás-, tres- (movimento para além de; posterioridade, posição excedente = transmontano, transpor, transportar, transbordar, trasladar, trespasse, tresmalhar);
ultra- (posição além de, excesso = ultramar, ultrapassar, ultra-som);
vice-, vis- (substituição, em lugar de = vice-presidente, vice-rei, visconde).


Principais prefixos gregos:

an-, a- (sentido exclusivamente negativo, privação = anarquia, anônimo, ateu, acéfalo, afônico);
aná- (ação ou movimento contrário, repetição = anagrama, anáfora, análise);
anfi- (de um e outro lado, em torno de = anfiteatro, anfíbio);
anti- (oposição = antípoda, antipatia, antiaéreo, anticlerical);
apó- (afastamento, separação = apogeu, apócrifo, apóstolo);
arqui-, arc-, arque-, arce-, arci- (procedência, superioridade = arquipélago, arquiteto, arcanjo, arquétipo, arcebispo, arcipreste) catá- (movimento de cima para baixo, posição superior, oposição = catástrofe, catapulta, catálogo, catacrese);
diá-, di- (movimento através de, passagem, afastamento = diagonal, diâmetro, diagnóstico, diocese, diurético);
dis- (dificuldade, falta, privação = dispnéia, disenteria, dissimetria);
ec-, ex- (movimento para fora, separação = eclipse, eclético, êxodo, exorcismo);
en-, em-, e- (posição interna, posição sobre = encéfalo, energia, entusiasmo, emplasto, elipse);
endo-, end- (posição interior, movimento para dentro = endotérmico, endoscopia, endosmose);
epi- (posição superior, movimento pura, cm direção a = epiderme, epílogo, epitáfio, epístola, epíteto);
eu-, ev- (bem, bom, felizmente = eucaristia, eufonia, eufemismo, evangélico);
hiper- (posição superior, excesso = hipérbole, hipertrofia, hipertensão);
hipo- (posição inferior = hipotenusa, hipótese, hipocrisia);
meta-, met- (movimento de um lugar para outro, mudança = metamorfose, metáfora, meteoro, metonímia);
para-, par- (proximidade, comparação = paradigma, paradoxo, parasita, paródia, paralelo);
peri- (em torno de, ao redor de = perímetro, perífrase, peripécia);
pró- (posição em frente, movimento para frente = problema, prólogo, prognóstico, programa);
sin-, sim-, si- (simultaneidade, reunião, companhia = sinfonia, sincronia, síncope, símbolo, simpatia, silepse, sílaba).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.